Adaptação de bandas ortodônticas – Academia da Odontologia
×

Blog da Academia

Mantenedores de espaço

A adaptação de anéis ortodônticos, ou popularmente chamados também de bandas ortodônticas, é um procedimento clínico comum na prática clínica de odontopediatras ou ortodontistas. Atualmente, com os escaneamentos intraorais esta etapa CLÍNICA para confecção dos aparelhos ortdônticos esta sendo substituída por uma etapa LABORATORIAL, onde a adaptação da banda é realizada diretamente no modelo escaneado pelo laboratório ortodôntico. Porém, esta ainda não é a realidade da grande maioria dos laboratórios ortodônticos e não é utilizada em 100% dos casos.

Uma boa adaptação de bandas é fundamental para melhor retenção do aparelho, assim como permite melhor higienização por parte do paciente, já que bandas mal adaptadas podem predispor à retenção de placa bacteriana e aumento do risco à lesões de cárie.

Passos para uma boa seleção de bandas ou anéis ortodônticos:

  1. Profilaxia prévia;
  2. Seleção de bandas;
  3. Desgaste das bandas (quando necessário);
  4. Conformar a banda;
  5. Moldagem de transferência;
  6. Reinserir elástico de separação.

Profilaxia prévia

adaptacao-de-bandas-ortodonticas

Antes de iniciar a prova de bandas propriamente dita, é importante que o profissional realize uma profilaxia prévia com pedra pomes ou pasta profilática para evitar o acúmulo de placa no sulco gengival durante a seleção dos anéis.

Importante: Presume-se que o profissional tenha realizado a separação dos dentes com elástico de separação antes da prova das bandas. A separação dos dentes cerca de 4 ou 5 dias antes do procedimento permite uma boa melhor adaptação das bandas no sentido cérvico-oclusal.

Prova de bandas

Ao iniciar a escolha das bandas é importante entender que os fabricantes fornecem bandas pré-fabricadas com tamanhos diferenciados de acordo com o tamanho dos dentes.

A pergunta que sempre me fazem é: qual tamanho devo escolher? É dificil responder essa pergunta, já que há grande variabilidade entre os pacientes. Porém, quando falamos de primeiros molares permanentes, sugiro que o profissional comece testando as bandas de números 35,5 ou 36, caso utilize as bandas da marca Morelli. As numerações entre 35 e 37 são as mais comumente utilizadas. Claro que há também grande variabilidade entre as marcas comerciais, pois nem todas possuem os mesmos padrões.

adaptacao-de-bandas-ortodonticas

Faça a prova do anel somente através da pressão digital, sendo que o anel ideal será aquele que melhor se adapta ao dente. Sugiro sempre provar um número maior e um menor após a seleção prévia do anel, pois assim o profissional tem certeza da escolha correta.

Até a próxima.

Abraços.

Por Juliana Pereira Andriani.

Não perca tempo e aprimore-se, conferindo nossos planos anuais em odontopediatria!

Academia da Odontologia Suporte técnico

Especialista e Mestre em Ortodontia - UFSC/SC
Doutoranda em Odontologia - UFSC/SC
Membro da Associação Brasileira de Ortodontia - ABOR
Membro da World Federation of Orthodontics - WFO
Professora da Especialização em Odontopediatria - ABCD/ Florianópolis
Professora da Especialização em Ortodontia - ABCD/Florianópolis
Clínica Privada em Florianópolis/SC

Fale conosco via whatsapp 48991699181