Febre na irrupção dos dentes decíduos | Academia da Odontologia
×

Blog da Academia

Odontopediatria

Quais são os sinais e sintomas realmente associados à irrupção dos dentes decíduos? A Academia Americana de Odontopediatria ressalta que a irrupção dos dentes decíduos pode estar associada a desconforto local, irritação e aumento da salivação. Porém, diversos autores tem relatado associação também com sono agitado, perda de apetite, febre, entre outros.

O momento que se inicia a irrupção dos dentes decíduos (próximo aos 6 meses de vida) coincide com o momento que a criança começa a explorar o meio a sua volta, quando a introdução de objetos ou a própria mão à boca é considerada normal, aumentando a probabilidade de infecções.

Apesar de não haver consenso na literatura em relação aos sinais e sintomas associados à irrupção dos dentes decíduos, é de grande importância identificar os fatores que realmente podem ou não estar associados pois muitas vezes os pais podem associar sintomas como febre, diarreia ou vômito à irrupção dos dentes decíduos e negligenciar a manifestação de alguma doença oportunista.

Com o objetivo de verificar os sinais locais e sistêmicos e os sintomas associados à irrupção dos dentes decíduos em crianças de 0 a 36 meses, pesquisadores da UFSC conduziram uma revisão sistemática e meta-análise publicada em 2016.

Os autores observaram que a manifestação dos sintomas associados à irrupção dentária diminui com a idade, sendo observada mais comumente associada à irrupção dos dentes decíduos, principalmente os incisivos decíduos.

Para identificar a associação da irrupção dentária com a febre, os autores consideraram que temperatura retal acima de 38° C seria considerado febre, sendo que a temperatura timpânica normalmente está 0.6° a 0.2° C abaixo da temperatura retal. Diante disso, foi considerado que temperatura timpânica entre 37,4° e 37,8° C seria considerada febre.

O estudo concluiu que apesar do aumento de temperatura corporal durante a irrupção dos dentes decíduos ter sido observada em alguns estudos, o mesmo não é considerado febre. Portanto, diante da presença de febre é importante orientar aos pais que a mesma não está associada à irrupção dos dentes decíduos, sendo necessário procurar um atendimento médico.

Referência: Massignan C et al. Signs and Symptoms of Primary Tooth Eruption: A Meta-analysis. Pediatrics March 2016, 137(3).

    Fale conosco via whatsapp 48991699181